EMPRESAS VÃO INVESTIR R$ 160 MILHÕES EM MARINGÁ E CIANORTE

 

A Avenorte Avícola, de Cianorte, e a FA Maringá, de Maringá, confirmaram novos investimentos para o Noroeste do Estado por meio de incentivos do programa Paraná Competitivo. As companhias devem investir mais de R$ 160 milhões.

A Avenorte Avícola, de Cianorte, projeto investir R$ 157 milhões na expansão da sua unidade de abate de aves. A expectativa é de que com os novos investimentos na região sejam gerados 2.500 empregos diretos e outros 5 mil indiretos.

O investimento abrange prevê aquisição de máquinas, equipamentos e execução de obras civis. A empresa também visa modernizar a unidade produtiva para atendimento de padrões internacionais e cumprimento rigoroso de normas de saúde e higiene, uma vez que pretende exportar sua produção para novos mercados e países, especialmente a Europa.

“Além de novos postos de trabalhos, vamos colocar entre 300 a 400 novas granjas no campo, que vão gerar um retorno muito grande de ICMS tanto para o município como para toda a microrregião Noroeste”, disse Rodrigo Guimarães, que é um dos sócios da empresa. “Para assumirmos riscos, precisamos de apoio e o Governo do Estado tem feito isso com muita propriedade”, acrescentou.

A FA Maringá, empresa especializada no comércio varejista de artigos de colchoaria, cama, mesa e banho, artigos do vestuário e acessórios, deve utilizar os incentivos do Paraná Competitivo nas operações realizadas na modalidade de comércio eletrônicos, para ampliar seus serviços por meio da plataforma digital “Emcompre.com”.

A empresa 100% nacional, com sede em Maringá, é a primeira indústria brasileira a verticalizar o processo de produção e comercialização por meio de marketplace de colchões prensados. A previsão é de que sejam investidos R$ 3,7 milhões, contribuindo para a geração de cinco empregos diretos e outros 76 indiretos.