CÂMARA DE VEREADORES HOMENAGEIA O SIRECOM-PR

 

Por proposição do vereador Tito Zeglin (PDT), hoje o Sindicato dos Representantes Comerciais do Paraná foi homenageado pela Câmara Municipal de Curitiba, com votos de congratulações e aplausos, em comemoração pelos seus 75 anos de fundação.

Para o parlamentar é sempre um privilégio ressaltar o trabalho e a atuação dos representantes comerciais como agentes que movimentam a economia não só do município como também de todo o Paraná.

Durante a solenidade, o vereador Tito Zeglin relembrou os tempos em que exerceu o trabalho de representante comercial e destacou a importância da entidade sindical ao longo desses 75 anos, estando sempre à frente aos interesses da classe. "Reconheço a importância de um sindicato forte e atuante na representação da atividade profissional e dos seus trabalhadores", afirmou.

A honraria foi aprovada, por unanimidade, pelo plenário da Câmara na sessão do dia 22 de novembro. "Justa e merecida homenagem a essa entidade que faz parte da história de Curitiba e do Paraná", destacou o presidente da Casa, vereador Serginho do Posto (PSDB).

Para Paulo Nauiack, a homenagem consolida um momento importante da história do SIRECOM, da representação comercial no Estado e do próprio Paraná. “Não é apenas a história de um sindicato. É a história do nosso Estado, de milhares de famílias que com o seu trabalho ajudaram a construir este Paraná forte e desenvolvido. A trajetória do SIRECOM é também a trajetória de pessoas que desbravaram o nosso Estado, fundaram comunidades e cidades. Os representantes comerciais são protagonistas do desenvolvimento”, afirmou.

“Para as pessoas que ao longo de todos esses anos participaram do nosso Sindicato e para aqueles que hoje estão à frente desta missão, é uma grande alegria receber esta bela homenagem da Câmara Municipal de Curitiba e do vereador Tito Zeglin. A partir de hoje, o SIRECOM-PR ficará registrado para sempre nos anais desta Casa de Leis, de Curitiba e do Paraná. Estamos honrados”, disse o presidente da entidade.