BRASIL DEVE SE TORNAR O MAIOR PRODUTOR DE SOJA DO MUNDO EM 2020, APONTA O USDA

O Brasil deverá colher um recorde de 123,5 milhões de toneladas de soja na safra 2019/20, e as primeiras colheitas devem estar prontas para exportação neste mês, disse o adido do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês) em relatório.

Com esse volume esperado, o adido reafirmou expectativas de que o Brasil se torne o maior produtor global de soja em 2019/20, superando os EUA, que tiveram uma quebra de safra de cerca de 20% nesta temporada.

Contudo, mesmo com a diferença causada pela quebra, o adido apontou que a produção esperada para o Brasil em 2019/20 supera todas as melhores safras já colhidas pelos norte-americanos.

O USDA elevou levemente sua previsão de área plantada, para 36,8 milhões de hectares, com base em um “exuberante” mercado de soja, além de questões cambiais.

A previsão é de que os preços vão impulsionar os produtores a semear uma área um pouco maior.

Para a temporada 2019/20 (de fevereiro de 2020 a janeiro de 2021), o representante do USDA estima exportações de 75 milhões de toneladas de soja brasileira, ante número revisado para cima de 73 milhões no ciclo 2018/19.

 

FONTE: MONEY TIMES

FOTO: COOPERFIBRA