CONFIANÇA DO EMPRESÁRIO INDUSTRIAL SOBE EM AGOSTO PELO TERCEIRO MÊS CONSECUTIVO, DIZ CNI

 

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) subiu 2 pontos em agosto, chegando a 59,4. Foi a terceira alta consecutiva do indicador da Confederação Nacional da Indústria (CNI) que mede a confiança do empresário da indústria. O índice foi divulgado na terça-feira (20).

 

Para elaborar o índice, a CNI ouviu 2.451 empresas, entre os dias 1º e 13 de agosto. O indicador de confiança varia de 0 a 100, sendo que, quando está acima dos 50 pontos, mostra que os empresários estão confiantes.

 

Segundo a CNI, empresários de todos os portes de empresas estão mais otimistas. Empresários de médias e grandes empresas estão mais otimistas que a média. Nas grandes empresas o índice foi de 59,7 pontos e nas médias 59,5 pontos. Já nas pequenas o índice foi de 58,8 pontos.

 

De acordo com a pesquisa, houve melhora nas condições atuais dos negócios e também melhoraram as expectativas em relação ao desempenho da economia e das empresas nos próximos seis meses.

 

O índice de expectativas subiu de 62,1 pontos em julho para 63,6 pontos em agosto. “Há uma sequência de boas notícias: a queda dos juros, a liberação do FGTS e aprovação em segundo turno da reforma da Previdência”, afirmou o economista da CNI, Marcelo Azevedo.

 

O economista destacou ainda que o indicador antecipa tendências da economia. “Empresários confiantes estão mais propensos a aumentar a produção, o emprego e os investimentos, o que é fundamental para a recuperação da economia”, avaliou Azevedo.

 

FONTE: G1